Arquivo da categoria: Preste atenção ►

Filme da vez: Distante nós vamos

Padrão

Após os acontecimentos de quinta-feira, em Brasília, e de ficar debilitada emocional e fisicamente, não me restou outra opção para sexta-feira a noite: casa.

Bom, depois que o aparelho de DVD aqui de casa pifou, nunca mais saímos pra alugar, claro, e não pensamos em comprar outro também. Quem tem TV a cabo esquece um pouco essas ferramentas, principalmente se tiver contratado aquela opção de ‘locadora’, como o NOW da Net, sabe? Há quem não goste, eu dou graças a Deus. Às vezes a gente até paga mais caro, mas tem o conforto de não sair de casa, etc etc. rs Desculpa de preguiçosa!

Enfim, foi assim que decidimos fazer um cine em casa. E em meio a tantos lançamentos, escolhemos um filme que já tínhamos visto. Mas é assim, quando é bom, tem que ter replay. rs

Distante nos vamos

Distante Nós Vamos – 2009

Burt e Verona foram um dos casais mais apaixonados e inspiradores que já vi. Aos 30 e poucos anos, descobrem que estão grávidos, que os pais de Burt vão se mudar e que não tem ninguém por perto. É aí que decidem partir numa viagem em busca da cidade ideal para construir a família.  Viajam, viajam, viajam. Avião, trem, carro. Imprevistos, sorte, azar, tudo misturado. Passam por casas de amigos, irmãos e conhecidos, mas aos poucos percebem que não é disso que precisam…

Comédia e romance, sem dúvida, deram certo nesse filme. A sintonia do casal é tão grande, que você se pergunta como os dois atores não casaram na vida real. rs É inspirador e nos faz refletir sobre nosso modo de ver a vida, o que deve ser levado em conta e o que devemos colocar em primeiro plano. Sem contar que a trilha sonora é linda! Uma das mais adequadas que já vi.. É isso, assisti pela segunda vez, e assistiria outras tantas.

Distante Nós VAmos 2 Distante Nós VAmos 3 Distante Nós VAmos 4 Distante Nós VAmos

Anúncios

Hostel 7, o mais novo brasiliense

Padrão

É isso mesmo que você está pensando. Brasília finalmente ganhou um hostel!
Tô super feliz por ter uma opção fofa, econômica e inovadora pros amigos que vem fazer concurso, me visitar ou conhecer a cidade. Já passei vergonha por não poder receber a galera em casa e ter que mandar pro hotel caro. Mas nossos problemas acabaram! rs Vem com a gente…

Hostel 7

Hostel 7 Video (16)

Hostel 7 foi inaugurado em maio/13 e é fruto do sonho de cinco amigos que rodaram o mundo se hospedando em albergues. Alfredo, Eldon, André, Danilo e Aurélio formam a trupe que tomou a iniciativa de abrir em Brasília o primeiro hostel com padrão internacional. Eles já apareceram na Veja Brasília, Correio Braziliense, Estadão e em outros blogs de viagem. Nada mal pra quem acabou de nascer!

Fomos conhecer esse novo cantinho da capital e que surpresa! Tem até cheiro de novinho, sabe? hehe Levei Sarah e Dani comigo e todas ficaram encantadas com o capricho e com a simpatia da equipe.

O hostel está localizado na Asa Norte, região privilegiada da cidade, próximo a tudo. Pra quem é de Brasília, fica a dica: ele fica, especificamente, na frente da W3, voltado para a quadra 908. Se você não é daqui, não entendeu muita coisa né? rs Mas é fácil: para chegar, basta pegar qualquer ônibus que passe pela W3 norte e se atentar às placas, ele fica ‘nas costas’ do comércio’. Se vier do aeroporto, pegue o ônibus 0.030 ( Qd. 716 Norte / W3 Norte e Sul / Aeroporto) e peça ao cobrador avisar sua parada. Você também pode pegar o 0.102 e ir até a Rodoviária, de lá pegue outro ônibus sentido W3 norte. Com o endereço em mãos, não tem erro! E se você se perder, não hesite em ligar pra eles!

São quatro quartos com banheiro, sendo três mistos (homens e mulheres) e um feminino, distribuídos pelo sobrado de 3 andares, totalizando 38 camas. Cada quarto leva o nome de uma personalidade: Burle Marx, Athos Bulcão, Lúcio Costa e Oscar Niemeyer. Bem apropriados, não?

Agora, a parte que mais me deixou in love: cozinha! rs Não por mera coincidência, a parte mais gostosa da casa é a mais fofa, mais coletiva e sustentável. Os meninos (não tão meninos hehe) tiveram a brilhante ideia de reutilizar bancadas, chão emborrachado e madeiras para decorar esse ambiente. Ficou linda, espaçosa, colorida, meio retrô, meio moderna, com direito a freezer da Devassa e cerveja importada.

Preciso ressaltar a criatividade do pessoal, que conseguiu otimizar o espaço e bolar uma decoração digna de muitas fotos. Eles pensaram em todos os detalhes e contam com a participação dos cidadãos do mundo para deixar o hostel mais personalizado ainda. O acervo de canecas, por exemplo, é fruto da festa de inauguração, onde cada convidado deveria entrar com a sua. Nesse mesmo esquema vai ser a festinha do Book Exchange, onde cada um leva um livro e ajuda a compor a estante, deixando um pedacinho seu por lá. Legal né? A ideia é criar um ambiente familiar, onde a galera possa se encontrar e bater um papo também. Por isso, dê uma ligada antes das partidas de futebol e descubra se vão transmitir. O único pedido é que vocês consumam a cerveja de lá, é claro.

Por fim, a tarifa. A diária no Hostel 7 é de R$90 com café da manhã, e especialmente no dia da abertura da Copa será R$120. Se você está acostumado a se hospedar em hostel, vai dizer que é meio carinho, e eu até concordo, mas se levarmos em consideração o elevado custo de Brasília, é justo e não compete com nenhum hotel da cidade.

Ufa! Falei demais! rs Assistam ao vídeo e vejam as fotos!
Beijo grande para a turma do Hostel que nos recebeu tão bem! Voltarei em um futuro brevíssimo!

Hostel 7
SCLRN 708 Bloco I Loja 20, Brasília/DF
+55 (61) 3033-7707
https://www.facebook.com/hostel7?fref=ts

ps: nem vou justificar minha cara de pamonha no início, mas pedir desculpa pelos erros de gravação e edição.. vamos tentar resolver!

Blog Hostel 7 (6)

Hostel 7 Blog (4)

Hostel 7 Video (7)

Blog Hostel 7 (3)

Blog Hostel 7 (4)

Blog Hostel 7 (2)

IMG_2241

Blog Hostel 7 (5)

Hostel 7 Blog (2)

Blog Hostel 7 (7)

IMG_2213

Hostel 7 Video (10)

Hostel 7 Blog (5)

Hostel 7 (14)

Hostel 7 Video (15)
Dani, fofa! Obrigada pelo help!
ps: Sarah não gosta de aparecer, mas vocês já sabem que ela está por aqui. rs

tchurma hostel 7

Las Vegas pra lá de inusitada

Padrão

Se você é meu amigo, ou já vasculhou o blog, deve saber que passei um mini temporada nos Estados Unidos há quase um ano e meio. Relatei aqui no blog meu dia a dia, mas até hoje não tinha editado os milhares de vídeos que gravamos por lá.

A verdade é que não sei se farei uma viagem tão engraçada como essa de novo. Vocês não imaginam o que passamos, os perrengues, os imprevistos e apuros. Bom, fiquei tão animada ao assistir nossas peripécias, que resolvi tirar umas horinhas e editar pra vocês verem. Nem preciso dizer que a nostalgia é level 480! Morrendo de saudade de cada num, de cada canto, de cada risada.

Esse aqui resume em alguns minutos nossa ida a Las Vegas, do início ao fim. Como naquela época não imaginava que o AnnaBeatrip ainda estaria aqui (a ideia era só um diário de bordo daquela viagem), não filmei com a intenção de repassar dicas, nem nada. Por isso vocês vão perceber que é por pura bagunça mesmo. =) E antes que perguntem cadê os vídeos da farra/balada?,  já vou dizendo que esses nem foram feitos e que filmagem de balada em LV é até clichê! rs

ps: roubei foto dos fofuxos pelo facebook!

Se eu fosse você, assistiria só pra ter uns minutos de risadas e aprender com nossos erros! rs

Filme da vez!

Padrão

Preciso aceitar o fato de que não consigo postar o que quero no dia que quero. rs Vou ter que deixar essa cronologia pra dupla dinâmica destino e tempo.

A verdade é que estou precisando arranjar um tempinho e descobrir novos trabalhos do mundo cinematográfico. Tô ficando enferrujada, mas ainda tenho algumas cartas na manga. Hoje vou recomendar um filme novo, de 2012, que superou minhas expectativas.

On the road (Na Estrada)

O filme é uma adaptação da novela de 1957, escrita por Jack Kerouac. Foi produzido por ninguém menos que Coppola, dirigido pelo brasileiro Walter Salles e devo ressaltar que conta com a participação de Alice Braga. Fotografia, cenários, figurinos, tudo muito adequado à história.

Alguns ficaram com o pé atrás ao perceberem Kristen Stewart no elenco, mas desde que vi o trailer tive certeza que seria 5 stars. O filme, que também tem livro, é surpreendente, eu diria. Sal Paradise (Sam Riley) é um aspirante a escritor que reflete um pouco da inocência e indecência de todos nós… Ele conhece Dean Moriarty e sai de uma zona de conforto para um mundo totalmente novo, vive novas experiências e se depara com desafios pessoais. Junto a Marylou (K. Stewart),  viajam pelas estradas do interior do país e estão dispostos a quebrar all the rules.

On the road 2On the road 1On the road 3On the road 4

Filme da vez!

Padrão

Sempre que eu falar de viagem, vou falar de amor. Não importa o tipo de amor. O nome desse filme é poético pra mim, porque acredito que todos os amores devem ser assim, sem fronteiras.

Amor sem fronteiras

“Sarah Jordan (Angelina Jolie) é uma socialite casada com Henry Bauford (Linus Roache), filho de um influente empresário americano. Após conhecer Nick Callahan (Clive Owen), um médico que se dedica a causas humanitárias na África, Sarah se dispõe a ajudá-lo. Ela arrecada fundos para comprar medicamentos e comida para refugiados na Etiópia, aonde vai para entregá-los à equpe de Nick. Ver o sofrimento e a miséria do povo etíope de perto faz com que Sarah decida mudar de vida ao retornar a Londres, passando a trabalhar para uma ONG que ajuda causas humanitárias.”

Logo nas primeiras cenas você leva um choque de realidade. É fascinante e nos faz refletir a cada segundo. É uma dura realidade mostrada nesses minutos de filme e algumas cenas embrulham o estômago. Perceber e entender que a vida ultrapassa alguns limites é importante para seguir.  Assisto sempre que tenho uma folga, já perdi as contas de quantas vezes vi. Indico muito pela mensagem do filme.

Quality: Original.<br />
Film Title: Beyond Borders.amor sem front 3amor sem front 4amor sem front 2amor sem fronteiras

Fonte: Adoro Cinema

Esqueci de dizer: curti tanto que comprei o dvd! rs

Filme da vez!

Padrão

Dessa vez rolou! rs Trouxe uma indicação para quem vai ficar em casa nesse carnaval. O bom é que é fácil fácil de encontrar, seja na internet ou nas locadoras…

Que fique claro: não sou nenhuma crítica de cinema, não sei usar termos técnicos, nem nada. Dou minha humilde opinião de amiga. rs 

Um bom ano

Eu curto esse filme do primeiro ao último minuto. Não é um grande filme, mas é uma opção mamão com açúcar pra quem quiser estirar as pernas no sofá.

“Um bom ano” conta a história de Max Skinner (Russell Crowe), um homem bem sucedido que passou a infância na fazenda de seu tio Henry (Albert Finney), na França. Acontece que Max cresce e se torna um homem viciado em trabalho em Londres. Em um belo dia descobre que seu tio faleceu e deixou a propriedade como herança para ele, seu sobrinho preferido. Interessado em fazer um bom negócio, faz uma rápida viagem à herança de Henry, mas percebe que não será tão fácil deixar para trás aquelas pessoas e aquele lugar.

Eu não conheço a França, mas todos os filmes gravados por lá me deixam mais apaixonadas. Embora pouco da cidade apareça, o clima e as cores me deixam muito à vontade… É um filme bem humorado, que talvez te arranque alguns sorrisos e te inspire a viver novas experiências.

um bom ano 2 um bom ano 3 ??????????? um bom ano

Fonte: Adoro Cinema

Sim! A linda de viver Marion Cotillard também está no elenco! 

On tour: Brasília #1

Padrão

Brasília
Beleza que contorna a norma brusca, e renasce
Se torna inumerável de vida
Faz do céu uma plataforma azul
Onde mora o mistério do simples e infinito.
(Thaís Lima Rocha)

Pensamos na ideia de falar mais sobre Brasília há um tempinho e finalmente vamos colocar em prática. Nada como falar da cidade em que você nasceu e conhece tanto, não é mesmo?

Decidimos começar pelos cartões postais da cidade. Imagino que mesmo que você não seja daqui, deve estar cansado de ver as fotos dos monumentos, por isso decidimos registrar em vídeo, assim vocês conseguem ter mais noção sobre as dimensões dos lugares. Mas antes do vídeo, vamos entender por onde passamos…

MEMORIAL JK
Custo: $

O museu reúne itens da época do presidente Juscelino Kubitschek, é possível encontrar de livros e documentos até a mobília usada por ele. O monumento é muito bonito e pra começar o passeio na cidade é uma excelente pedida!

As visitas acontecem de segunda a domingo, das 9h às 18h. Os ingressos custam R$ 10,00 (Inteira) e R$ 5,00 (Meia-entrada).

TORRE DE TV
Custo: $

“A Torre de TV de Brasília foi projetada por Lúcio Costa e inaugurada em 1967. Com 224 metros de altura, a Torre pode ser vista de quase todos os pontos da cidade. A 75 metros de altura, seu mirante panorâmico tem capacidade para 150 pessoas e proporciona uma vista maravilhosa da Esplanada dos Ministérios e de quase toda a cidade. A Torre é o segundo ponto turístico mais visitado de Brasília e, além da vista, tem como principal atração a tradicional feira de artesanato da Capital. Na feira de artesanatos há diversos produtos como vestuário, bijuterias, artigos de decoração, além de lembranças da Capital. A praça de alimentação é uma boa alternativa para quem gosta de comidas típicas do Brasil, principalmente do norte e nordeste do país.”

O mirante panorâmico abre diariamente, das 9h às 18h. A subida é gratuita.
A Feira de Artesanato funciona aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 18h.

[texto retirado de http://www.torredetv.com.br/]

A feirinha é bem tradicional por aqui e eu, particularmente, curto bastante. Pra quem curte artesanato e quer encontrar uma decoração diferente, esse é o lugar certo na cidade. Ah, fora que você não paga pra entrar, óbvio. =)

Dica da hora

Gente, batendo perna pela feirinha encontramos uma lojinha super bacana, a Tertúlia! Começando pelo visual que foge um pouquinho do padrão das outras, a loja trabalha com produtos culturais, trazendo muita poesia e simplicidade. O bacana é que a loja preza pela sustentabilidade e os materiais são diferenciados do mercado comum. É impossível entrar no lugar e sair de mãos abanando… rss

Bom, confiram aí o vídeo do nosso tour:

Nota: Gente, desculpe de novo pelo amadorismo do vídeo hehe Mas foi de coração e a edição foi corrida, já que gravamos ontem! rs

É isso!

Diz aí se vocês curtem esse tipo de postagem, se trazer os vídeos é bacana, enfim…
Eu espero que tenham gostado… Assim a gente vai trazendo Brasília aos pouquinhos pra vocês. =)

Beijos!